Tatuagem

Vamos falar de tattoo…

 

O que dizer? Uma arte milenar, representativa, instigante, estética, poética, complementar, tudo isso e muito mais. É mais ou menos por aí que enxergo a coisa.

 Sou um amante da tatuagem. se tivesse aplicado todas ideias que tenho provável que já não teria mais partes ‘limpas’ para tatuar. Mas será que essa não é a mágica da coisa?! Afinal, ideias vem com momentos, sendo assim a tatuagem acaba por representar aquele momento pra ti, eternamente. Eis a mágica da coisa, por que não? Pode ter um caráter estético, nem tudo precisa ter significado na vida também, tem certas coisas que é apenas pra incrementar o corpo, como alguns dizem: era pra ter nascido assim já.

 

Fiz minha primeira tattoo quando eu tinha 14 anos. Era uma criança, adolescente, queria fazer algo diferente. Fui a um estúdio ‘atirado’ que  um amigo meu conhecia, peguei o caderninho aquele cheio de desenho, apontei um que havia ali, o tatuador concordou, e fizemos a primeira sessão. Bem assim, sem noção, sem um porque, eu simplesmente queria me tatuar. NÃO ME ORGULHO DISSO, afinal essa tattoo ficou anos e anos no meu corpo, nunca terminei, o tatuador até veio a falecer nesse meio tempo, e assim fiquei, com um desenho que não tinha nem caráter estético e nem significava algo pra mim. 

 

Essa tattoo hoje, meu amigo, irmão e grande artista Jack Soares já cobriu, graças a deus. Demorou alguns anos, mas felizmente hoje tenho uma arte que gosto em meu corpo.

 

Acho que a tatuagem é algo como compor. Tu sente a vontade de fazer tal coisa, as vezes não esta repleta de significados, mas no teu inconsciente existe um porque. Como falei no meu último post, tenho um microfone que significa a minha voz, em 1987, ano que eu nasci, uma nova voz veio ao mundo, única, como todas, especial, como todas, pois é minha, só minha, e eu fiz a escolha de compartilha-la com o mundo, e espero tocar alguém com ela.

 

Tenho um Jimi Hendrix que quem conhece sabe que era uma cara que sentia o som dentro dele, fazia ‘amor’ com sua guitarra, pra mim representa o sentimento e o viver a música. Tenho a paz, a fauna, a flora, tudo misturado, em harmonia, COMO DEVERIA SER. Uma singela homenagem a minha falecida vó, que me ensinou muito, e até hoje aprendo com ela. E finalizando, o ‘Rock’n Roll’, que seria minha ideologia musical, passei por diversos estilos, experimentei diversa coisas, e essa palavra resume pra mim muita coisa, o meu intuito musical. Difícil explicar exatamente, é mais ou menos isso. 

 

Por enquanto é só, por enquanto, pois com certeza vem mais por aí, o quanto antes! ehhehe…

Algo sobre tattoo que é de se pensar, pois vejo tanta coisa sinistra por aí é: procure um bom profissional, um bom estúdio, limpo, bonitão, cuidado. Tatuador é um artista que tem que ser completo, saber desenhar, saber aplicar a coisa, saber te ouvir e te passar o melhor caminho. Tatuagem é uma arte na pele, que fica pra sempre, então NÃO É BARATA, e NÃO É CARA, é justa. Não adianta tu pagar mixaria pra um cara com uma máquina e ter um desenho torto pra sempre. Se quer fazer, faz direito, faz pra ficar perfeito, com o cara certo no lugar certo, na hora certa.

 

Sinceramente fico triste com algumas coisas que vejo na rua, na praia então, noooossa. Talvez se a tattoo fosse mais difundida as pessoas teriam mais noção do que fazer, do que é bom e do que é ruim. Sou da teoria que o desenho na pele sempre fica mais bonito do que no papel. Ao menos comigo é assim. É possível fazer exatamente o que tu tens na cabeça, sempre. A galera que acha que realismo é o mais difícil, não vai nessa, tu copiar algo já pronto não é tão foda assim. Tribais, Maoris, também são bem específicos, e muito difíceis. 

 

Isso tudo é um ponto de vista meu, é claro, compartilhando algumas ideias e experiências que tive.

Resumindo, uma tatuagem bem feita seria: bem colocado no corpo, pois tu se move, teu braço dobra tua cabeça gira, e a tattoo tem que ser colocada sempre de forma que funcione, ela joga com o corpo, e não é atirada no corpo; tem que ser feita por uma pessoa saiba desenhar, criar, afinal ele é um ‘desenhista de corpos’, se tu coloca arte na pele de alguém tu deveria saber fazer algo belo num papel também, e não copiar e ir lá e aplicar na pele, isso não funciona, tu transforma a pessoa numa tela móvel, mesmo bem aplicada a tatuagem tem que ser pensada de acordo com o corpo de cada um; local limpo, essencial, tem que ser limpo, afinal milhões de doenças se pode pegar fazendo num buraco qualquer por aí.

 

Ta bem resumido isso, mas acho que é por aí. Valorizem essa arte que é maravilhosa, façam tattoos, mas FAÇAM DIREITO.

 

Valeu?!?! 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s